+55 41 3026.2610

Notícias Central Press

Editora Positivo lança guia de crises para escolas

Postado no dia: 28 de julho de 2017
Editora Positivo lança guia de crises para escolas

  1. (Divulgação)
  2. (Divulgação)
  3. (Divulgação)
  4. (Divulgação)
  5. (Divulgação)

Manual orienta gestores para fatores de risco no ambiente escolar, formas de prevenção e preparação prévia para o enfrentamento de crises de imagem

De acordo com dados levantados pela área de Inteligência de Mercado da Editora Positivo em mais de 900 municípios brasileiros, a reputação é um dos principais fatores considerados pelos pais na hora de escolher o colégio dos filhos. Ao mesmo tempo, por receber um grande número de pessoas e promover a diversidade, a escola é um ambiente altamente vulnerável a crises de todas as naturezas e proporções. “Os problemas podem surgir no pátio da escola, no grupo de conversa dos pais, em sala de aula ou nas redes sociais, e se não forem administrados de forma rápida e eficiente, podem colocar em risco o bem mais precioso da instituição: a imagem que se constrói ao longo do tempo com trabalho sério e consistente”, afirma o gerente de Marketing da Editora Positivo, Fabricio Almada.

Para ajudar gestores escolares a enfrentarem situações de risco que ameacem a reputação e até mesmo a existência da instituição, a Editora Positivo lançou o Guia “Virei Notícia. E agora? – Como agir em momentos de crise”. O material é destinado às escolas conveniadas ao Sistema Positivo de Ensino e apresenta estratégias para gerir as mais diversas formas de crises, de forma a minimizar o impacto negativo que leva à perda de confiança na relação entre escola e seus públicos. O guia foi planejado a partir da experiência de 45 anos do Grupo Positivo na gestão de instituições de ensino. Atualmente, mais de 2 milhões de alunos utilizam os sistemas de ensino e materiais didáticos da Editora Positivo.

Produzido pela agência Central Press, em parceria com o Marketing da Editora Positivo, o Guia foi fruto de 10 meses de estudos de casos e análises de riscos em instituições de ensino no Brasil, Estados Unidos e Inglaterra, com o objetivo de prever situações de crise e suas repercussões junto aos mais diversos públicos, em todos os canais. O material se propõe a ser um guia multicanais, oferecendo aos gestores das escolas conveniadas ao Sistema Positivo de Ensino um conteúdo interativo nas versões impressa e digital, além de canal de atendimento e treinamentos presenciais. Para manter o conteúdo sempre atual, a versão impressa, de 80 páginas, traz mais de 20 QR Codes, com download de arquivos constantemente atualizados. As ferramentas incluem modelos de análise de vulnerabilidades das escolas e autorização de uso de imagem, passo a passo para a implantação de uma área de compliance, ferramentas de storytelling, entrevistas com especialistas e pesquisas mundiais sobre reputação e marcas.

“Nossos estudos globais nos mostraram que as crises acontecem em organizações de todos os tamanhos e setores, ao redor do mundo, mas a necessidade de uma gestão de crise de imagem nas organizações educacionais brasileiras ainda não é amplamente compreendida”, afirma Almada, que pretende, com o lançamento do Guia, alertar os gestores para a prevenção de riscos e preparação para que, em momentos críticos, saibam agir com rapidez, transparência, prudência e eficácia. O guia está sendo lançado no evento itinerante “Um Dia Positivo”, que acontece até o final do ano em 13 cidades de Norte a Sul do País, reunindo mais de 2 mil gestores escolares de 955 municípios brasileiros.

 

Sobre o Sistema Positivo de Ensino  

É o maior e mais tradicional sistema voltado ao ensino particular no Brasil. Com um projeto sempre atual e inovador, ele oferece às escolas particulares diversos recursos que abrangem alunos, professores, gestores e também a família do aluno com conteúdo diferenciado. Para os estudantes, são ofertadas atividades integradas entre o livro didático e plataformas educacionais que o auxiliam na aprendizagem. Os professores recebem propostas de trabalho pedagógico focadas em diversas disciplinas, enquanto os gestores recebem recursos de apoio para a administração escolar, incluindo cursos e ferramentas que abordam temas voltados às áreas de pedagogia, marketing, finanças e questões jurídicas. A família participa do processo de aprendizagem do aluno recebendo conteúdo específico, que contempla revistas e webconferências voltados à educação.

Sobre a Editora Positivo

Fundada há 37 anos, a Editora Positivo tem a missão de construir um mundo melhor por meio da educação. Tendo as boas práticas de ensino como seu DNA, a Editora especializou-se ao longo dos anos e tornou-se referência no segmento educacional, desenvolvendo livros didáticos, literatura infantil e juvenil, sistemas de ensino e dicionários. A Editora Positivo está presente em milhares de escolas públicas e particulares com os seus sistemas de ensino. Amplamente recomendados pela área pedagógica e reconhecidos pelos seus resultados, os sistemas foram criados de modo a atender a realidade de cada unidade escolar. Para a rede pública a editora disponibiliza o Sistema de Ensino Aprende Brasil. Já as escolas particulares contam com o Sistema Positivo de Ensino. Cerca de 2 milhões de alunos utilizam os sistemas de ensino da Editora Positivo, em escolas públicas e particulares, no Brasil e no Japão.

Todas as notícias