+55 41 3026.2610

Notícias Central Press

Exposição retrata infância de irmãs pelo olhar do pai

Postado no dia: 5 de julho de 2017
Exposição retrata infância de irmãs pelo olhar do pai

  1. (Crédito: Emmanuel Alencar Furtado)
  2. (Crédito: Emmanuel Alencar Furtado)
  3. (Crédito: Emmanuel Alencar Furtado)
  4. (Crédito: Emmanuel Alencar Furtado)
  5. (Crédito: Emmanuel Alencar Furtado)

Como lembramos de nossa infância? Quais sons e imagens guardamos de quando éramos crianças? Como era o relacionamento entre as pessoas da sua família? Esses são os detalhes que a exposição (hu)Manas retrata sobre a infância de duas irmãs curitibanas. O fotógrafo, e pai, Emmanuel Furtado, acredita que as melhores lembranças devem ser registradas por meio de imagens e sons e, por isso, revela ao mundo fotografias cativantes de Laura (dos 9 aos 11 anos) e Joana (dos 4 aos 6 anos) no ambiente familiar. A exposição é aberta ao público, na Biblioteca Central da Universidade Positivo (UP), até 10 de agosto.

Segundo Furtado, “as fotografias apresentam as angústias, ansiedades, alegrias, tristezas, raivas, brincadeiras, relacionamentos, transformações e o amor que, nos momentos nostálgicos que vivemos em nossas vidas de adulto, sentimos pelo cheiro do bolo da vó, pelas risadas assistindo um filme, pelas lágrimas das perdas e pelos sons da casa que saem da caixa empoeirada da memória e remexem as emoções. As imagens relembram nossa condição de humanos e nos convidam a refletir sobre o hoje e, quem sabe, sobre o futuro das crianças do mundo”, explica. Dessa maneira, a exposição é um convite à reflexão sobre o mundo atual e o que ficará para as nossas crianças, bem como a necessidade de resgatar os valores e memórias dessa idade. Os interessados podem assistir aos vídeos do projeto feitos pelo fotógrafo em https://goo.gl/7KMQvx .

Sobre o artista

Emmanuel Furtado é pai da Laura e da Joana, casado com Nicole e amante eterno da fotografia de família. Desde a infância, gostava de registrar momentos familiares. Depois do nascimento da primeira filha, Laura, dedicou-se cada vez mais a registrar os momentos que passava em família. A rotina da infância, segundo ele, ficou mais interessante quando Joana nasceu. “A relação entre irmãs deu outra dinâmica e, depois de um tempo, surgiu a ideia do projeto de registrar seus momentos”, conta.

Furtado é fotógrafo formado pela Omicron Escola de Fotografia. Participou da Exposição Inverno e Sensações promovido pelo Centro Histórico de Curitiba. Sua foto “Manhã no calçadão da XV” foi classificada no Concurso Nacional Novos Fotógrafos, para compor o livro Cidades em Tons de Cinza.

Serviço

Exposição (hu)Manas

Onde:  Universidade Positivo – Câmpus Ecoville | Biblioteca Central (Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300, Ecoville)

Quando: 04 de julho a 10 de agosto

Quanto: Entrada gratuita

Sobre a Universidade Positivo 

A Universidade Positivo (UP) concentra, na Educação Superior, a experiência educacional de mais de quatro décadas do Grupo Positivo. A instituição teve origem em 1988 com as Faculdades Positivo, que, dez anos depois, foram transformadas no Centro Universitário Positivo (UnicenP). Em 2008, foi autorizada pelo Ministério da Educação aser transformada em Universidade. Atualmente, oferece 58 cursos de Graduação presenciais (31 cursos de Bacharelado e Licenciatura e 27 Cursos Superiores de Tecnologia), três programas de Doutorado, quatro programas de Mestrado, centenas de programas de Especialização e MBA e dezenas de programas de Extensão. A UP conta com sete unidades em Curitiba, além de polos de Educação à Distância (EAD) em 22 cidades espalhadas pelo Brasil. É considerada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) a melhor universidade privada do Paraná, pelo quinto ano consecutivo.

Todas as notícias