Check-up: quando é hora de voltar ao consultório médico?

A dona de casa Mirian Diniz, 68 anos, atrasou em quase dois anos as consultas e os exames de rotina. E para cuidar da saúde durante a pandemia, ela intensificou as caminhadas e manteve as medidas de segurança contra a covid-19: distanciamento, uso de máscara e álcool em gel. “Só depois de tomar as duas doses da vacina me senti segura para retornar às consultas médicas”, conta. 

Segundo a pesquisa Reduction in Life Expectancy in Brazil after covid-19, da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, a alta mortalidade causada pelas complicações da covid-19 fez com que a expectativa de vida dos brasileiros caísse em quase dois anos em 2021, baixando de 76,4 anos para 74,9 anos. Doenças crônicas como diabetes, hipertensão, cardiopatias, doenças renais e respiratórias são agravantes da covid-19 e, mesmo assim, muitas pessoas deixaram de fazer as consultas de rotina, seja por receio ou falta de acesso ao sistema de saúde. Isso acaba acendendo o alerta para os prejuízos que o longo período sem acompanhamento médico para outras doenças durante a pandemia ainda vai trazer. 

“Nos consultórios, o que observamos é que muitas pessoas que deixaram de receber o acompanhamento médico no período de pandemia tiveram problemas de saúde agravados e agora precisam ‘correr atrás do prejuízo”, explica a cardiologista e coordenadora do serviço de check-up do Hospital Marcelino Champagnat, Aline Moraes. “Colesterol, diabetes, rins e fígado precisam ser avaliados em exames que fazem parte das consultas de rotina. Em relação às mulheres, nos preocupamos ainda com as rotinas ginecológicas”, complementa.

A médica ressalta ainda que, em muitas clínicas e hospitais, os fluxos de atendimento de pacientes com suspeita da covid-19 e de outras doenças são separados, e seguem todos os protocolos internacionais de segurança, garantindo, assim, maior segurança aos pacientes. 

Pós-covid

A avaliação médica é indicada após a alta de internamentos por coronavírus ou pacientes assintomáticos que venceram a covid-19. Muitas sequelas da doença ainda estão sendo estudadas pelos pesquisadores, que já descobriram que mesmo pacientes que tiveram a doença de maneira mais branda também podem apresentar problemas após a recuperação. Entre as mais comuns estão fraqueza, fadiga, falta de ar e queda de cabelo. “Sempre que sentir algo diferente, a orientação é procurar um médico. Esse check-up é importante para evitar doenças ou sequelas de maior gravidade”, frisa a cardiologista.

Check-up

A recomendação é que, homens e mulheres façam consultas de rotina anuais, principalmente após os 40 anos. É importante a atenção redobrada à realização do check-up, principalmente com exames complementares como laboratoriais, ergométrico e de radiologia. A lista de exames e a periodicidade das consultas variam conforme sexo, faixa etária, histórico de doenças familiares e hábitos de vida. 

Share:

Latest posts

Large-DSC3539-Edit-1-1
Shopping celebra Dia Mundial do Rock com programação para crianças
Instituto Positivo
Gestores da Educação do litoral paranaense recebem formação
Palladium
Palladium lança campanha de inverno com conchas exclusivas de brinde

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

Large-DSC3539-Edit-1-1
Shopping celebra Dia Mundial do Rock com programação para crianças
Palladium Curitiba promove diversas atrações musicais ao longo do dia Para comemorar o Dia Mundial...
Saiba mais >
Instituto Positivo
Gestores da Educação do litoral paranaense recebem formação
Projeto reúne coordenadores para melhorar a qualidade educacional No litoral paranaense, a Educação...
Saiba mais >
Palladium
Palladium lança campanha de inverno com conchas exclusivas de brinde
Conjunto de talheres faz parte da campanha colecionável O Palladium Curitiba celebra a chegada do inverno...
Saiba mais >
4031C-20240608-0228-2 - 1-
Zona leste de Londrina ganha novo empreendimento residencial
Sunny Downtown, da Construtora Yticon, conta com duas torres e fica ao lado do Boulevard Shopping A...
Saiba mais >