Secretários de Educação do Litoral do Paraná participam de formação sobre liderança

Com foco no fortalecimento de lideranças, secretários de Educação e técnicos de Antonina, Guaraqueçaba, Guaratuba, Matinhos, Morretes, Paranaguá e Pontal do Paraná participam do Projeto Liderar, um dos pilares do Arranjo de Desenvolvimento da Educação (ADE) Litoral Paranaense. Por meio do desenvolvimento pessoal e da troca de experiências entre os participantes, o projeto busca o fortalecimento das lideranças. Os encontros estão sendo conduzidos pelo Instituto Positivo e consultores especializados da R2M Business.

De acordo com a analista de Implantação de Projetos do Instituto Positivo, Amanda Rocha, o Liderar é um projeto contínuo que tem como característica a flexibilidade de temáticas, buscando atender às necessidades dos participantes. “Realizamos uma pesquisa preliminar para compreender quais são os desafios da gestão enfrentados no cenário de 2022 e os previstos para 2023, o que permitiu um planejamento assertivo da ementa dos encontros. Queremos contribuir ainda mais com o desenvolvimento pessoal e profissional de todos”, destaca.

O relatório apresenta as necessidades e os desafios referentes ao desenvolvimento pessoal apontadas pelos integrantes do ADE Litoral Paranaense. O resultado da pesquisa autoavaliativa destaca que 50% dos entrevistados nunca participou de um programa de desenvolvimento pessoal.

A professora e técnica da secretaria de Educação de Matinhos, Juliana Niesborski, não teve a oportunidade de participar de um projeto de desenvolvimento pessoal como o apresentado pelo ADE e afirma ter boas expectativas sobre o Liderar. “O primeiro encontro foi bastante dinâmico e reflexivo, envolvendo toda equipe para o autoconhecimento. Espero avançar ainda mais na minha evolução pessoal. Entendo que, dessa forma, conseguirei contribuir de maneira mais efetiva com todos do meu grupo na secretaria e, consequentemente, com toda a educação municipal. O autoconhecimento é um fator extremamente importante para líderes, pois permite compreender e contribuir também com o outro.”

Os assuntos tratados no projeto estão presentes em quatro dimensões de conteúdo com desdobramento de acordo com os apontamentos dos gestores na pesquisa.  Na temática comunicação, será trabalhada mediação de conflito e comunicação assertiva; no autoconhecimento, inteligência emocional e gestão de tempo; dentro de colaboração, atitude colaborativa; e aspectos de liderança estarão presentes em todas elas.

A secretária municipal de Educação de Paranaguá, Tenile Cibele do Rocio Xavier, avalia como positiva a iniciativa. “Enquanto liderança do meu município é muito bom passar por esse processo de autoconhecimento. Somos líderes diante de uma rede, então, saber se reconhecer como liderança e identificar nossos desafios diários tem sido importantíssimo. No dia a dia, nós aprendemos a parte burocrática e parar um momento para, junto com profissionais capacitados, olhar para nós e identificar como estamos diante da nossa gestão fará muita diferença. Os encontros são de muita alegria e motivação. Enquanto me desenvolver como pessoa, consigo ser melhor líder, e é o que faz valer a pena”, finaliza.

Sobre o ADE Litoral Paranaense

Incentivador do modelo de cooperação  intermunicipal em prol da Educação e dedicado a estudar e difundir a metodologia dos ADEs no Brasil, o Instituto Positivo é parceiro da Associação dos Municípios do Litoral Paranaense (Amlipa) na implantação do primeiro ADE do Paraná. Atualmente, sete secretários de educação da região e as suas equipes trabalham de forma conjunta e em comum acordo para melhorar a qualidade do ensino no território. Fazem parte do ADE Litoral Paranaense os municípios de: Antonina, Guaraqueçaba, Guaratuba, Matinhos, Morretes, Paranaguá e Pontal do Paraná. Os trabalhos iniciaram este ano.

Instituto Positivo

O Instituto Positivo (IP) foi criado em 2012 para fazer a gestão do investimento social de todo o Grupo Positivo em favor da comunidade. A missão do Instituto Positivo é contribuir para a melhoria da qualidade da Educação Pública do Brasil por meio do incentivo ao Regime de Colaboração. Para tornar isso possível, o IP incentiva e apoia a implantação de Arranjos de Desenvolvimento da Educação (ADE) em todo o país, desenvolve pesquisas e publicações sobre o tema e participa de discussões em instâncias como MEC, CNE, Senado e Câmara de Deputados a fim de contribuir em propostas de lei e resoluções que favoreçam esse modelo de Regime de Colaboração. O Instituto também é responsável pela gestão do Centro de Educação Infantil Maria Amélia, em Curitiba, que atende gratuitamente cerca de 100 crianças em situação de vulnerabilidade social. Para ter mais informações, acesse o site do Instituto Positivo: instituto.positivo.com.br.

Share:

Latest posts

Créditos: Rutenio Júnior
Shopping promove tributo à banda RBD
Crédito: Envato
Por que empresas de sucesso apostam na diversidade?
mice
MICE promove primeiro encontro para setor de Turismo de Negócios

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

Créditos: Rutenio Júnior
Shopping promove tributo à banda RBD
O Ventura Shopping realiza, nesta sexta-feira, 19 de julho, às 19h30, um tributo ao RBD como parte da...
Saiba mais >
Crédito: Envato
Por que empresas de sucesso apostam na diversidade?
Companhias que promovem a diversidade colhem benefícios como inovação, criatividade e um ambiente de...
Saiba mais >
mice
MICE promove primeiro encontro para setor de Turismo de Negócios
Evento vai reunir profissionais do setor no dia 22 de julho, às 19h, na Fazenda Churrascada Ampliar...
Saiba mais >
Comum entre crianças e adolescentes, desalinhamento dental causa dificuldades na mastigação e fala, distúrbios no sono e pode ocasionar perda de dentes Créditos: Envato
Mais de 35% dos adolescentes brasileiros possuem condição de saúde bucal que pode afetar a qualidade de vida; saiba qual
Impactos, além da estética, incluem função mastigatória e saúde das articulações A má oclusão, conhecida...
Saiba mais >