+55 41 3026.2610

Notícias Central Press

Técnico do Curitiba Vôlei vê início de temporada como “batalha difícil”

Postado no dia: 18 de setembro de 2019
Técnico do Curitiba Vôlei vê início de temporada como “batalha difícil”

Time paranaense terá sua estreia em casa contra o SESC-RJ, equipe do técnico Bernardinho

A Confederação Brasileira de Vôlei divulgou na última sexta-feira (13) a tabela oficial da primeira rodada da Superliga 2019/2020. Com início no dia 12 de novembro, a competição feminina terá todos os duelos decididos em série melhor de três a partir das quartas de final e tem as finais programadas para os dias 14, 18 e 26 de abril. Para o Curitiba Vôlei, os cinco primeiros jogos já serão grandes desafios.

Duda Nunes, técnico da equipe curitibana, destaca que, além da força dos adversários, as datas também devem ser um ponto a ser superado. “Dos cinco primeiros jogos, três serão fora de casa e em sequência – terça, sexta, terça, sexta e segunda. São partidas muito próximas uma da outra, com pouco tempo para recuperação e treinamentos muito longos”, explica. O Curitiba Vôlei joga em casa na primeira rodada, contra o SESC-RJ, e na terceira rodada, contra o Osasco. 

Além do desafio de enfrentar equipes de alto nível, Duda ressalta que os dois últimos jogos da sequência serão ainda mais difíceis. “O quarto e quinto jogo serão fora de casa e contra a equipe vice-campeã (Praia Clube) e campeã (Minas) da última Superliga. São partidas muito desgastantes fisicamente e que exigem preparo técnico, mas que dão um crescimento muito bom, já que seremos bastante exigidos e testados”, conta. 

Apesar da dificuldade, o recado para a torcida é a promessa de uma equipe muito focada. “O primeiro jogo é sempre uma caixa de surpresas, pois não sabemos exatamente como os times estão. O que podemos prometer para nossa torcida é uma busca intensa pela vitória, e muita garra”, destaca Duda. 

As atletas relacionadas para a temporada 2019/2020 do Curitiba Vôlei são: 

  • Viviane de Góes Araújo – Vivi – central
  • Valeska Menezes – Valeskinha – central
  • Mariana Aquino – Mari Aquino – central
  • Mayara Santana – Mayara Santana – central
  • Claire Felix – Claire – central
  • Ana Eliza Caetano de Camargo – Aninha – líbero
  • Georgia Zanluca Cattani – Georgia Cattani – líbero
  • Sabrina Machado – Sabrina Machado – oposta
  • Sara Dias – Sara Dias – oposta
  • Maria Alejandra – Alejandra – levantadora
  • Liv Stephania Sauer Fortes – Liv – levantadora
  • Bárbara Alcantara – Bárbara – levantadora
  • Talia Costa – Talia – ponteira
  • Viviane Braun – Vivi Braun – ponteira
  • Yasmin Lara – Yasmin – ponteira
  • Dayse Figueiredo – Dayse – ponteira

Sobre o Curitiba Vôlei

Idealizado pela ex-tenista Gisele Miró, o Projeto do Curitiba Vôlei já conquistou dois vice-campeonatos, sendo um na Superliga B e outro na Taça Ouro. Já em 2018, a equipe fez história com a conquista do título da Superliga B e a garantia de uma vaga na elite do voleibol brasileiro, disputando a Superliga Brasileira de Voleibol Feminino e alcançando os playoffs da competição. Em parceria com a Universidade Positivo, o time adotou a capital paranaense como sua casa e traz de volta o vôlei ao cenário do esporte curitibano.

Todas as notícias