Tempo de férias: 8 dicas de livros para todas as idades

[flgallery id=2352 /]
No período de férias é comum não saber o que fazer com o ócio das crianças, principalmente no mês de julho, quando as temperaturas estão mais baixas e as atividades ao ar livre ficam mais limitadas. O momento pode ser a oportunidade perfeita para a inserção de novos hábitos e formas de entretenimento, como a leitura.
Para a mestre em Literatura Cristiane Mateus, editora de Literatura da Editora Positivo, a leitura pode ser uma boa aliada e melhorar o convívio entre pais e filhos nesse período. “Um bom livro pode transformar uma tarde ociosa em um momento memorável e de grandes aventuras”, afirma. Uma dica importante é ler o livro antes de recomendar para os filhos. “Se os pais lerem o mesmo livro, essa experiência pode ser intensificada com conversas despretensiosas sobre a obra, aproximando ainda mais pais e filhos e promovendo boas horas em família”, explica.
Para realizar uma boa escolha, a dica é trazer a leitura para o dia a dia da família. Por isso, a editora selecionou oito livros, com sugestões por faixa etária, como sugestão para ler nessas férias:
Só de brincadeira
Autor: Leo Cunha
Ilustrações: Anna Cunha
Recomendação: a partir de 2 anos
Pipa, bambolê, amarelinha,… as brincadeiras que encantavam a infância do escritor Leo Cunha são retratadas em forma de poesia e ilustradas com imagens delicadas e suaves de Anna Cunha.  Os poemas aproximam o contador da criança, levando-os a um universo de imaginação. Conquistou o selo Seleção Cátedra Unesco de Leitura 2018, o selo “Altamente recomendável” 2019, da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) e o prêmio 30 Melhores Livros Infantis do Ano 2018, da Revista Crescer.
 
Casa de passarinho
Autora: Ana Rosa Costa
Ilustrações: Odilon Moraes
Recomendação: a partir dos 4 anos
A vivacidade do traço rascunho de Odilon Moraes e o texto veloz de Ana Rosa Costa constroem uma narrativa que oscila entre a realidade e a fantasia. Desse encontro de autores, nasce um livro de ritmo ágil, como a brincadeira de duas crianças protagonistas desta história. Conquistou o prêmio 30 Melhores Livros Infantis do Ano 2018, da Revista Crescer e o selo “Altamente recomendável” 2019, da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ)
 
Um livro pra gente morar
Seleção e organização: Silvia Oberg
Ilustrações: Daniel Cabral
Recomendação: a partir dos 6 anos
Uma antologia de 14 poemas de autores brasileiros renomados. A casa representa um espaço especial de experiências da infância – lugar de acolhimento, afetos, socialização, devaneios e brincadeiras que preparam as crianças para se aventurarem na vida e no mundo. Foi finalista do Prêmio Nami Concours 2018,  recebeu o Selo Cátedra Unesco de Leitura 2018, conquistou o prêmio 30 Melhores Livros Infantis do Ano 2018, da Revista Crescer e o selo “Altamente recomendável” 2019, da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ).
 
Uma história pelo meio 
Autora: Elvira Vigna
Ilustrações: Raquel Matsushita
Recomendação: a partir de 9 anos
Como o próprio título sugere, a história começa pelo meio. Afinal, lembra a autora, uma premiada romancista, ninguém sabe como as coisas começaram. Acima de tudo, este livro é um elogio à leitura, não a que se resume ao enredo, mas àquela que instiga o leitor a criar sua própria história. Recebeu o selo Seleção Cátedra Unesco de Leitura 2018 e o selo “Altamente recomendável” 2019, da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ).
 
O estalo
Autor: Luís Dill
Recomendação: a partir de 12 anos
Uma chuva forte, um barulho alto, um estalo. Não há tempo para pensar em nada. Rui e Júlia não conseguem se mexer direito. Sozinhos e com uma noite inteira pela frente, os dois jovens não têm muito o que fazer. Enquanto esperam, conversam e se conhecem melhor. Construída exclusivamente na forma de diálogo, esta narrativa prende a atenção do jovem leitor, que se identifica com a envolvente história que se desenrola diante de seus olhos. O Estalo foi finalista do Prêmio Jabuti 2011, na categoria Juvenil da Câmara Brasileira do Livro, recebeu o Prêmio Glória Pondé de Literatura 2011 (3º lugar), na categoria Literatura Infantil e Juvenil e foi finalista do Prêmio Açorianos de Literatura 2011, na categoria Literatura Infantojuvenil.
 
Marcéu
Autor: Marcos Bagno
Recomendação: a partir de 11
Com muita beleza e sensibilidade, este livro de Marcos Bagno trata da relação de dois irmãos. O mais novo, que tem um contato íntimo com a natureza, morre em uma enchente. O mais velho, com a trágica experiência, amplia e aprofunda sua visão de mundo e de si mesmo. Conquistou o Prêmio Glória Pondé de Literatura 2013 (1º lugar), na categoria Literatura Juvenil, da Fundação Biblioteca Nacional, o II Prêmio Brasília de Literatura 2014 (1º lugar), na categoria Literatura Juvenil, o selo “Altamente Recomendável” 2014 da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) e foi selecionado para o catálogo brasileiro apresentado na Feira do Livro Infantil de Bolonha 2014, na Itália.
 
A estação das pequenas coisas 
Autor: João Carrascoza
Recomendação: a partir de 14 anos
Por meio de pequenas situações, João Carrascoza convida o leitor a contemplar o mistério da vida como quem contempla a paisagem, de lado, no banco de um carro. Com dezoito contos, selecionados de livros publicados nos últimos dez anos de carreira do autor, Carrascoza mostra algum tipo de experiência corriqueira vista sob um olhar mais literário. Conquistou o selo “Altamente Recomendável” 2018 da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ).
 
A arte muda da fuga 
Autor: Carlos Dalla Stela
Recomendação: a partir de 14 anos
Os poemas inéditos reunidos nessa obra foram manuscritos nos cadernos de ateliê do artista plástico e escritor Carlos Dala Stella. Uma seleção criteriosa feita a partir de um conjunto com aproximadamente duas mil páginas de textos, desenhos, recortes e colagens. As imagens do livro são pistas sobre o processo criativo do autor, que escreve e desenha cotidianamente em seus cadernos ilustrados há 39 anos.

Share:

Latest posts

Aposentada Anete Langaro retomou atividades dias após realizar artroplastia total de joelho Créditos: Arquivo pessoal
Técnicas avançadas favorecem cirurgias menos invasivas em idosos
Tatielle Alyne, atleta de futebol feminino de 19 anos, tem difícil missão de lidar com uma lesão enquanto corre atrás de seus sonhos no esporte Créditos: Arquivo pessoal
Mulheres enfrentam maior risco de lesões em joelhos na prática de esporte
Espaços para prática da fé em hospitais são demonstração de respeito às necessidades de pacientes e familiares Créditos: Divulgação
Espaços para prática da fé e espiritualidade são aliados no tratamento e internações médicas

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

Aposentada Anete Langaro retomou atividades dias após realizar artroplastia total de joelho Créditos: Arquivo pessoal
Técnicas avançadas favorecem cirurgias menos invasivas em idosos
Hospitais registram crescimento superior a 40% em procedimentos para pacientes acima de 70 anos; avanços...
Saiba mais >
Tatielle Alyne, atleta de futebol feminino de 19 anos, tem difícil missão de lidar com uma lesão enquanto corre atrás de seus sonhos no esporte Créditos: Arquivo pessoal
Mulheres enfrentam maior risco de lesões em joelhos na prática de esporte
Estudos indicam que chance é até oito vezes maior entre as jogadoras e o futebol é campeão nesse tipo...
Saiba mais >
Espaços para prática da fé em hospitais são demonstração de respeito às necessidades de pacientes e familiares Créditos: Divulgação
Espaços para prática da fé e espiritualidade são aliados no tratamento e internações médicas
Acolhimento se estende a pacientes, familiares e profissionais da saúde, com iniciativas perto de centros...
Saiba mais >
Grupo Marista
Presidente do Grupo Marista é nomeado chefe provincial da Província Marista do Brasil Centro-Sul
Nesta segunda-feira (25/03), o Irmão Vanderlei Siqueira dos Santos foi nomeado Superior Provincial da...
Saiba mais >