Vestibular: ansiedade pode pôr tudo a perder

[flgallery id=1909 /]
Horas de estudo e concentração nem sempre são as únicas soluções para quem busca bons resultados no vestibular. Com a proximidade das provas, a ansiedade aumenta e pode ser o principal inimigo do estudante. Presente na vida da humanidade desde sua criação, a ansiedade faz parte de um instinto de fugir do perigo, uma questão de sentimentos controlados para prezar pela segurança. Segundo o professor e orientador do Curso Positivo, Ivo Carraro, o problema é quando essa ansiedade, sendo inconsciente, dá origem ao medo, como pode ocorrer na hora do vestibular. “A ameaça de não ser aprovado atinge o psicológico e gera consequências como os famosos ‘brancos’ durante as provas”, explica.
A ansiedade traz sintomas físicos, como dores de cabeça e musculares, falta de concentração, náuseas, falta de ar, tremores e confusão mental. É um problema apresentado pela maioria dos vestibulandos e influencia diretamente no rendimento, já que acaba fazendo com que errem por descuido ou desatenção. Na intenção de controlar o nervosismo e não perder todas as horas de estudo dedicadas ao vestibular, Carraro dá algumas dicas para a preparação e realização da prova:

  • Dormir bem. O sono é um grande aliado do estudante, estar descansado é fundamental para um bom desempenho e melhor acesso à memória.
  • Não ter medo. Compreender que o vestibular não é um ‘bicho de sete cabeças’, como um predador. Se o estudante se preparou, a prova é apenas mais uma tarefa para atingir o objetivo
  • Conhecer o local da prova antes da data de realização evita surpresas como perder o horário, por exemplo.
  • Ter estratégia. Iniciar a prova pelas questões mais fáceis gera autoconfiança e o tempo restante fica para o “chute” nas mais difíceis.
  • Focar em si mesmo. Não perder a concentração após outros candidatos entregarem a prova. Cada um tem o seu tempo.
  • Contar com a família. Um abraço antes da prova vale mais do que mil palavras de apoio.
  • Manter-se confortável. Durante a prova, tirar alguns segundos para alongamentos restabelece o nível de cortisol, hormônio que ajuda a combater o estresse, além de recompor a resistência física. Em alguns momentos, respirar profundamente pelo nariz e soltar o ar vagarosamente pela boca ajuda a oxigenar o cérebro e reduzir a ansiedade.

 
Sobre o Curso Positivo
Fundado em 1972, o Curso Positivo nasceu de um sonho de um grupo de jovens professores, apaixonados pela profissão, que se uniram por um ideal: criar um curso pré-vestibular diferente, que acompanhasse os estudantes até os dias que antecediam o vestibular – algo pioneiro no Brasil, no início da década de 70. Desde então, o Curso Positivo se estabeleceu como uma instituição de destaque, registrando, historicamente, o maior índice de aprovação nos vestibulares mais concorridos das mais importantes faculdades e universidades do Paraná, bem como excelentes resultados nos exames das principais instituições de Ensino Superior do Brasil. O Curso Positivo conta com quatro sedes em Curitiba (PR), e uma em Joinville (SC), e uma em Ponta Grossa (PR) e dispõe de uma equipe de professores com grande experiência, material didático de alta qualidade para a melhor preparação e um inovador sistema de aulas dinâmicas totalmente focado na aprovação dos vestibulandos. O Curso Positivo utiliza o Sistema Positivo de Ensino, da Editora Positivo, que fornece sistemas de ensino de vanguarda para escolas públicas e particulares, atingindo atualmente cerca de 1 milhão de alunos no Brasil e no Japão.

Share:

Latest posts

volta2
Projeto da rede pública de Mariópolis vence concurso nacional de Educação
Aposentada Anete Langaro retomou atividades dias após realizar artroplastia total de joelho Créditos: Arquivo pessoal
Técnicas avançadas favorecem cirurgias menos invasivas em idosos
Tatielle Alyne, atleta de futebol feminino de 19 anos, tem difícil missão de lidar com uma lesão enquanto corre atrás de seus sonhos no esporte Créditos: Arquivo pessoal
Mulheres enfrentam maior risco de lesões em joelhos na prática de esporte

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

volta2
Projeto da rede pública de Mariópolis vence concurso nacional de Educação
Trabalho sobre diferentes culturas foi feito com turma da Educação Infantil O projeto “Vamos dar a...
Saiba mais >
Aposentada Anete Langaro retomou atividades dias após realizar artroplastia total de joelho Créditos: Arquivo pessoal
Técnicas avançadas favorecem cirurgias menos invasivas em idosos
Hospitais registram crescimento superior a 40% em procedimentos para pacientes acima de 70 anos; avanços...
Saiba mais >
Tatielle Alyne, atleta de futebol feminino de 19 anos, tem difícil missão de lidar com uma lesão enquanto corre atrás de seus sonhos no esporte Créditos: Arquivo pessoal
Mulheres enfrentam maior risco de lesões em joelhos na prática de esporte
Estudos indicam que chance é até oito vezes maior entre as jogadoras e o futebol é campeão nesse tipo...
Saiba mais >
Espaços para prática da fé em hospitais são demonstração de respeito às necessidades de pacientes e familiares Créditos: Divulgação
Espaços para prática da fé e espiritualidade são aliados no tratamento e internações médicas
Acolhimento se estende a pacientes, familiares e profissionais da saúde, com iniciativas perto de centros...
Saiba mais >