+55 41 3026.2610

Notícias Central Press

Obrigação afasta crianças do hábito da leitura

Postado no dia: 26 de junho de 2017
Obrigação afasta crianças do hábito da leitura

  1. (Divulgação)
  2. (Divulgação)

Escola cria projeto lúdico para fazer os alunos gostarem de ler desde cedo

Compreender e valorizar a importância da leitura desde cedo traz para as pessoas benefícios para a vida toda. Quanto antes a criança desenvolver o gosto pela literatura, mais chances terá de se tornar um leitor assíduo e um cidadão mais crítico. Mas transformar os pequenos em adultos leitores nem sempre é tarefa fácil. Essa missão deve ser compartilhada por pais e educadores. De acordo com Milena Fiuza, gerente pedagógica da Editora Positivo, algumas dicas podem ajudar nesse processo:

  1. Respeite o gosto da criança os pais devem ajudar fazendo uma seleção prévia, mas a criança é quem decide o que vai ser lido. Deixe que escolham o livro que desejam. O tema deve ser livre. A literatura é um espaço de liberdade e imaginação.

  2. Crie o ambiente ideal certifique-se de que a criança tenha um local ideal para a leitura: confortável, bem iluminado e sem televisão ligada por perto. Os livros devem estar sempre em lugar onde ela consiga alcançá-los sozinha.

  3. Visite livrarias e bibliotecas esses lugares oferecem sempre um número maior e mais interessante de opções do que as crianças têm em casa, o que acaba aumentando o interesse e fortalecendo o gosto pela leitura.

  4. Não deixe virar obrigação a leitura deve ser vista pela criança como uma brincadeira que ajuda a exercitar a imaginação e trabalhar as emoções e sentimentos. A prática deve ser sempre prazerosa e significativa.

  5. Crie grupos de leitura na escola, no condomínio, no clube ou na igreja, reunir um número de crianças em torno de um mesmo interesse – a leitura – pode fazer com que uma acabe incentivando a outra. Um personagem ou mascote torna a atividade ainda mais divertida e motivadora.

Para cumprir com o seu papel na formação de futuros leitores, o Centro Educacional Casulo, em Rio das Ostras (RJ), criou o projeto Zé do Livro. Um grupo de alunos, da Educação Infantil, em sistema de rodízio, leva para a casa, na sexta-feira, um livro acompanhado de um boneco: o Zé do Livro. A proposta é que o livro seja lido durante o fim de semana, na companhia dos pais, juntamente com o Zé do Livro. “O mascote caiu no gosto das crianças, que agora ficam ansiosas esperando o dia de levá-lo para casa junto com o livro”, afirma Rosekel Meirelles, diretora da escola. A ideia de criar um mascote para o rodízio deixa a atividade mais lúdica, sem parecer que a leitura é uma obrigação escolar. E como envolve várias crianças, faz aumentar o engajamento. “Elas voltam do fim de semana animadas, contando sobre a história e as experiências vividas com o boneco”, completa a diretora. A mobilização dos pais em torno da leitura compartilhada com os filhos também aumentou com o projeto.

Um Dia Positivo!

O Centro Educacional Casulo é uma das escolas participantes do “Um Dia Positivo!”, realizado nesta quarta-feira, 28, no Rio de Janeiro. O encontro, que reúne no Rio de Janeiro 100 gestores e 600 professores de escolas conveniadas ao Sistema Positivo de Ensino, tem o objetivo de discutir o futuro da educação, promovendo a formação e a troca de experiências, integrando ações e apresentando as inovações desenvolvidas pela Editora para o universo escolar.

A programação do evento traz palestras que tratam dos cenários e perspectivas da educação, segurança cibernética e o papel da escola na era digital, além de debates sobre reputação e gerenciamento de crises, a importância do bilinguismo na escola e a formação de preços e custos nas escolas. O “Um Dia Positivo!”  será realizado ainda em outras capitais brasileiras. Estão previstas edições em Florianópolis, Porto Alegre, Curitiba, Brasília, Cuiabá, São Paulo, Belém, Campinas, Ribeirão Preto, Fortaleza, Recife e Manaus.

Serviço

Evento: Um Dia Positivo!

Data: 28/06, das 08h30 às 18h

Onde: Windsor Guanabara Hotel – Av. Pres. Vargas, 392, Centro – Rio de Janeiro/RJ.

Sobre o Sistema Positivo de Ensino  

É o maior e mais tradicional sistema voltado ao ensino particular no Brasil. Com um projeto sempre atual e inovador, ele oferece às escolas particulares diversos recursos que abrangem alunos, professores, gestores e também a família do aluno com conteúdo diferenciado. Para os estudantes, são ofertadas atividades integradas entre o livro didático e plataformas educacionais que o auxiliam na aprendizagem. Os professores recebem propostas de trabalho pedagógico focadas em diversas disciplinas, enquanto os gestores recebem recursos de apoio para a administração escolar, incluindo cursos e ferramentas que abordam temas voltados às áreas de pedagogia, marketing, finanças e questões jurídicas. A família participa do processo de aprendizagem do aluno recebendo conteúdo específico, que contempla revistas e webconferências voltados à educação.

Sobre a Editora Positivo

Fundada há 37 anos, a Editora Positivo tem a missão de construir um mundo melhor por meio da educação. Tendo as boas práticas de ensino como seu DNA, a Editora especializou-se ao longo dos anos e tornou-se referência no segmento educacional, desenvolvendo livros didáticos, literatura infantil e juvenil, sistemas de ensino e dicionários. A Editora Positivo está presente em milhares de escolas públicas e particulares com os seus sistemas de ensino. Amplamente recomendados pela área pedagógica e reconhecidos pelos seus resultados, os sistemas foram criados de modo a atender a realidade de cada unidade escolar. Para a rede pública a editora disponibiliza o Sistema de Ensino Aprende Brasil. Já as escolas particulares contam com o Sistema Positivo de Ensino. Cerca de 2 milhões de alunos utilizam os sistemas de ensino da Editora Positivo, em escolas públicas e particulares, no Brasil e no Japão.

Todas as notícias