Celulose microfibrilada é aposta de material sustentável para indústria

[flgallery id=3667 /]

Especialista da Valmet explica importância, futuro e desafios da aplicação do material

Nos últimos meses, a celulose do tipo microfibrilada, também conhecida como Micro Fibrillated Cellulose (MFC), começou a fazer parte do dia a dia de diversos brasileiros por conta da pandemia do novo coronavírus. O material, que é sustentável, se tornou a aposta para a indústria e tem potencial de uso em diversos setores: papel, cosméticos, fármacos e alimentos, com a função de controlar a viscosidade e estabilizar a suspensão de óleos. Na área de alimentação é empregada em revestimentos comestíveis e embalagens. 

Recentemente, uma das funções da MFC foi aperfeiçoada a partir de testes realizados numa planta piloto, no sistema desenvolvido pela Valmet – líder mundial no desenvolvimento e fornecimento de tecnologias, automação e serviços para os setores de celulose, papel e energia. Nos testes, foi aplicado o material como um espessante e emulsificante no preparo de álcool antisséptico e em gel.

O especialista em Refinação da Valmet na América do Sul, Roberto Franchini, explica que a MFC vem ganhando destaque por trazer inúmeros benefícios. “Este é um material sustentável e que pode ser encontrado em abundância na natureza, por possuir propriedades e melhor desempenho em relação a outras aplicações com celulose. A MFC é uma micropartícula da celulose, com uma espessura dez vezes menor do que um fio de cabelo. Para chegar até aqui foram necessários anos de estudo, tecnologia e muita dedicação de pesquisadores. A indústria está cada vez mais atenta às questões ecológicas e vem ampliando usos de tecnologias sustentáveis”, explica.

Apesar dos desafios, como o de identificar melhores aplicabilidades e transporte, a MFC tem alto valor agregado atualmente. “É necessário aproveitar as oportunidades que trazem a aplicação da MFC , tanto em papel, tissue e outras portas que estão sendo abertas. A planta piloto da Klabin utiliza a tecnologia da Valmet e estamos desenvolvendo diversos testes para inovar na indústria. Apesar de ser um campo muito vasto, o futuro desse material é uma “jornada sem volta”. E o desenvolvimento e o uso da fibra serão muito importantes daqui para frente. Um dos desafios que estamos trabalhando é na aplicação sustentável e mais limpa possível de técnicas que utilizam a MFC, como no papel, por exemplo”, adianta Franchini.

Futuro da MFC

Diversos estudos apontam que a MFC, material facilmente renovável, também pode ser usada na produção de cosméticos, no fortalecimento de materiais de construção civil, peças leves para carros e até tecidos.

O especialista da Valmet conta que a partir da celulose é extraída a MFC, que está entre a celulose e celulose nanofibrilada. “Como fornecedora de tecnologia, a Valmet está desenvolvendo e aperfeiçoando o conhecimento sobre a versatilidade da MFC. É um produto de grande potencial. O principal diferencial é oferecer ao mercado produtos e tecnologias com base verde e sustentável, que é o caminho da indústria daqui para frente”, finaliza.

Sobre a Valmet

A Valmet é a principal desenvolvedora e fornecedora global de tecnologias de processo, automação e serviços para as indústrias de celulose, papel e energia. Sua atuação de tecnologia inclui fábricas de celulose, linhas de produção de papel, cartão e papel, além de usinas de energia para produção de bioenergia. Os serviços e soluções de automação melhoram a confiabilidade, o desempenho dos processos e aprimoram a utilização de matérias-primas e energia.

Em todo o mundo, a empresa finlandesa possui mais de 14 mil colaboradores diretos e, em 2019, as vendas líquidas foram de aproximadamente 3,5 bilhões de euros. A sede está localizada em Espoo, na Finlândia, e suas ações estão listadas na Nasdaq Helsinki. Na América do Sul, as unidades estão localizadas em Araucária (PR), Sorocaba (SP), Belo Horizonte (MG), Imperatriz (MA) e Concepción, no Chile. Mais informações: www.valmet.com.br

Share:

Latest posts

Large-DSC3539-Edit-1-1
Shopping celebra Dia Mundial do Rock com programação para crianças
Instituto Positivo
Gestores da Educação do litoral paranaense recebem formação
Palladium
Palladium lança campanha de inverno com conchas exclusivas de brinde

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

Large-DSC3539-Edit-1-1
Shopping celebra Dia Mundial do Rock com programação para crianças
Palladium Curitiba promove diversas atrações musicais ao longo do dia Para comemorar o Dia Mundial...
Saiba mais >
Instituto Positivo
Gestores da Educação do litoral paranaense recebem formação
Projeto reúne coordenadores para melhorar a qualidade educacional No litoral paranaense, a Educação...
Saiba mais >
Palladium
Palladium lança campanha de inverno com conchas exclusivas de brinde
Conjunto de talheres faz parte da campanha colecionável O Palladium Curitiba celebra a chegada do inverno...
Saiba mais >
4031C-20240608-0228-2 - 1-
Zona leste de Londrina ganha novo empreendimento residencial
Sunny Downtown, da Construtora Yticon, conta com duas torres e fica ao lado do Boulevard Shopping A...
Saiba mais >