Curitiba recebe projeto que estimula hábito de leitura entre profissionais da construção civil

A 5ª edição da pesquisa “Retratos da Leitura no Brasil”, realizada pelo Instituto Pró-Livro (IPL), indica que a quantidade de leitores no país caiu de 56% em 2015 para 52% em 2019. O levantamento, divulgado em 2020, ouviu 8.076 pessoas em 208 municípios e define como leitor a pessoa que leu pelo menos um livro, inteiro ou em partes, nos últimos três meses. Os dados revelaram, portanto, que o país perdeu cerca de 4,6 milhões de leitores em quatro anos, principalmente das classes A e B, com Ensino Superior, e menores de idade entre 11 e 17 anos. 

Entre os principais fatores para a queda no número de leitores no país estão o alto preço dos livros, a falta de livrarias nas cidades, a falta de tempo e a preferência por outros meios de diversão e entretenimento, como televisão, música,  rádio e internet. Para contornar esse cenário, promover reflexões, melhorar a qualidade e os  indicadores de leitura e acesso aos livros, uma iniciativa que vem chamando atenção nos interiores do Paraná e São Paulo e que acaba de inaugurar na capital é o projeto “Canteiro da Leitura”. 

Promovido pelo Instituto A.Yoshii, uma entidade sem fins lucrativos que tem o intuito de fomentar ações relacionadas à educação, meio ambiente e cultura, o projeto visa construir pequenas bibliotecas dentro dos canteiros de obras da construtora A.Yoshii e disponibilizar kits de livros, revistas e gibis como meio de incentivar o hábito da leitura entre os colaboradores e seus familiares. 

Implementada em julho de 2021 em Londrina, a bem-sucedida iniciativa já atingiu a marca de dez Canteiros da Leitura no Paraná e São Paulo, nas cidades de Londrina, Maringá, Porto Amazonas, Capivari e agora em Curitiba. Ao todo, o projeto já impactou positivamente 1.500 trabalhadores da construção civil que, com livre acesso às obras literárias, encontram no ambiente de trabalho um novo estímulo à leitura. “Nessas bibliotecas construídas nos canteiros de obra, disponibilizamos mais de 150 exemplares, entre livros, revistas e histórias em quadrinhos, que podem ser lidos nos intervalos de trabalho ou em casa, incentivando a leitura em família. A ideia é disponibilizar um ambiente atrativo e aconchegante, onde os colaboradores tenham acesso a livros e revistas pensados especialmente para suas realidades profissional e pessoal. O projeto não é itinerante e permanecerá nos locais durante toda a execução da obra”, explica o presidente do Instituto A.Yoshii, Aparecido Siqueira. 

Iniciativa de responsabilidade social que engloba educação, cultura e meio ambiente 

Além de destacar o compromisso com Cultura e Educação, Siqueira ressalta o aspecto sustentável do projeto. “É uma iniciativa pautada tanto no incentivo à leitura e acesso ao conhecimento como no compromisso com o meio ambiente, uma vez que a maior parte do mobiliário disponível nesses espaços de leitura é desenvolvida pelas equipes de obra, que utilizam resíduos da construção civil que seriam descartados”, afirma. O primeiro Canteiro da Leitura da capital paranaense será inaugurado na obra do Quintessence, localizada na rua Alferes Ângelo Sampaio, no bairro Batel, oferecendo um ambiente amplo, arejado e mobiliário consciente e sustentável, impactando 95 colaboradores que estão em campo. 

Educação ambiental: construtora promove palestras sobre gestão de resíduos 

Sustentabilidade e desenvolvimento social são atributos que influenciam os processos das organizações da A.Yoshii, sendo a responsabilidade socioambiental um dos pilares da atuação da construtora, que estabelece metas alinhadas com o desenvolvimento sustentável da sociedade. Em homenagem à Semana do Meio Ambiente, celebrada nos primeiros dias de junho, a A.Yoshii promoverá ações socioambientais nos canteiros de obras, juntamente com os colaboradores. “Acreditamos na definição de responsabilidade socioambiental do World Business Council for Sustainable Development que afirma ser a ‘responsabilidade social o compromisso permanente dos empresários de adotar um comportamento ético e contribuir para o desenvolvimento econômico, melhorando, simultaneamente, a qualidade de vida de seus empregados e de suas famílias, da comunidade local e da sociedade como um todo”, detalha Siqueira. 

Dentre as principais ações, a construtora promoverá palestras com todos os colaboradores operacionais e administrativos para conscientização sobre o correto descarte de resíduos domésticos e provenientes de obras, bem como a importância do reaproveitamento de materiais recicláveis. “A palestra visa à sensibilização de toda a empresa, com foco na separação adequada dos resíduos e na importância dessa ação para a preservação do meio ambiente. A questão ambiental não distingue ninguém, uma vez que todos produzimos lixo diariamente. Antes mesmo da educação ambiental, é necessário criar consciência sobre o tema”, finaliza o presidente do Instituto. 

Sobre o Instituto A.Yoshii 

Fundada em 2006, a entidade sem fins lucrativos promove ações solidárias ligadas à educação, ao meio ambiente e à cultura, em busca de resultados com impacto social positivo. Ao longo dos 16 anos de atuação, o Instituto A.Yoshii promoveu diversas iniciativas voltadas para pessoas em situação de vulnerabilidade econômica-social, minimização de impactos no meio ambiente e democratização do acesso à cultura e à educação. Em 2022, o Instituto foi reconhecido pelo sexto ano consecutivo com o Selo Sesi ODS, como uma das principais organizações que trabalham em prol dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU. Mais informações: www.institutoayoshii.org.br.

Sobre o Grupo A.Yoshii

Fundado há 57 anos, o Grupo A.Yoshii já construiu mais de 2 milhões de metros quadrados do sul ao nordeste do Brasil, entre obras industriais, edifícios corporativos e residenciais, escolas, universidades, teatros e centros esportivos. É composto pela A.Yoshii Engenharia, com sólida atuação em construções de edifícios residenciais e comerciais de alto padrão em Londrina, Maringá, Curitiba e Campinas; pela Yticon Construção e Incorporação, que realiza empreendimentos voltados para o primeiro imóvel, localizados em regiões de potencial valorização em municípios do Paraná e do interior de São Paulo; e pelo Instituto A.Yoshii, braço de responsabilidade social, com foco em educação, cultura e meio ambiente. Além disso, atua em obras corporativas, atendendo grandes corporações em suas plantas industriais, nos mais variados segmentos da economia, como papel e celulose, alimentício, químico, agronegócio, energia, assim como em usinas sucroalcooleiras, centros logísticos, plantas automobilísticas, entre outros. Mais informações: www.ayoshii.com.br.

Share:

Latest posts

WhatsApp-Image-2024-02-20-at-17.48
Exposição Traços do Cotidiano explora a beleza das coisas simples
NoahMGA - 1-
Hall de entrada: boas-vindas e impressão marcante à primeira vista
Selective focus shot of basil leaves
5 plantas que afastam o mosquito da dengue

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

WhatsApp-Image-2024-02-20-at-17.48
Exposição Traços do Cotidiano explora a beleza das coisas simples
“Tudo pode ser transformado em arte”, afirma a artista plástica Magali Tieppo Robaina, responsável pela...
Saiba mais >
NoahMGA - 1-
Hall de entrada: boas-vindas e impressão marcante à primeira vista
Ambientes destacam-se em projetos arquitetônicos, refletindo o luxo e a sofisticação dos edifícios Não...
Saiba mais >
Selective focus shot of basil leaves
5 plantas que afastam o mosquito da dengue
Com um aumento de mais de 445% nos casos da doença em comparação ao mesmo período do ano passado, a adoção...
Saiba mais >
_- 65 - 2-
Arte da sustentabilidade: exposição gratuita apresenta itens decorativos inovadores feitos com resíduos da construção civil
Até 1.º de março, Instituto A.Yoshii destaca mais de 40 obras únicas criados nos projetos Obra&Arte...
Saiba mais >