Sete destinos para inspirar negócios e alavancar carreiras

Com um faturamento total de R$ 3,35 bilhões no segundo trimestre de 2023, o setor de viagens corporativas registrou um aumento de 13,94% em comparação com o mesmo período do ano passado, de acordo com dados da Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas (Abracorp). Esses resultados reafirmam a tendência de recuperação das viagens de negócios após a pandemia de covid-19. Ao que tudo indica, as empresas estão cada vez mais dispostas a enviar seus colaboradores em busca de inspiração e inovação.

Ao adentrar ambientes inovadores, laboratórios de pesquisa de ponta e hubs tecnológicos de excelência, profissionais de todos os níveis encontram um cenário propício para estimular a criatividade e enriquecer seus currículos. “Experiências profissionais imersivas não são apenas um estímulo mental, mas também demonstram o valor que a organização atribui ao crescimento de sua equipe e seu compromisso com a inovação. Ao investir na criação de um ambiente de trabalho que fomente o aprendizado, as empresas colhem os frutos na forma de colaboradores mais engajados e produtivos, preparados para enfrentar os desafios  presentes e futuros com orgulho e determinação”, afirma Luiz Pinheiro, coordenador da Business School da Universidade Positivo (UP).

Visitar destinos conhecidos por sua capacidade tecnológica ou cultura empresarial pode ser uma experiência enriquecedora para estimular a criatividade e o aprendizado. Aqui estão algumas sugestões de lugares.

Berlin, Alemanha: a capital alemã tem visto um aumento constante no número de startups e nos investimentos no setor a cada ano. De acordo com a Tracxn, uma plataforma desenvolvida para que corporações e investidores descubram empresas inovadoras, atualmente existem mais de 3,5 mil startups de tecnologia em Berlim. Isso inclui marcas como o “N26”, um banco digital alemão com todas as funcionalidades disponíveis via aplicativo, o “Obtenha um guia”, um site em que é possível comprar passeios e atrações ao redor do mundo, e a “SoundCloud”, plataforma de streaming de música on-line que oferece uma alternativa ao Spotify.

Vale do Silício, Estados Unidos: localizado na Califórnia, é mundialmente reconhecido como o epicentro da tecnologia e das ideias revolucionárias. Esse polo de desenvolvimento é a sede de algumas das maiores empresas de tecnologia do mundo, como Apple, Google, Facebook, Intel e Tesla, além de inúmeras startups de sucesso. Cristiano Caporici, diretor de Marketing da Tecnobank, está no Vale do Silício, imerso na atmosfera da inovação com uma delegação da empresa, composta por profissionais de todos os níveis hierárquicos, desde diretores e superintendentes até membros das equipes de tecnologia, relacionamento institucional, comercial, produtos, sistemas, marketing e comunicação. Segundo ele, vivenciar esse ambiente é uma oportunidade única. “Todos nós estamos com uma vontade imensa de colocar em prática o que estamos aprendendo. Isso é positivo tanto para nós como profissionais como para a empresa, que se beneficia desse investimento, aumentando  a qualificação, a motivação e a produtividade da equipe, além de reduzir o turnover“, afirma.

Tel Aviv, Israel: conhecida pelo cenário de startups em rápido crescimento e por um ecossistema de alta tecnologia que rivaliza com os principais centros do mundo, Tel Aviv tem uma cultura de inovação profundamente enraizada, que contrasta com a história milenar da cidade. Muitas vezes chamada de “Silicon Wadi”, a cidade é o berço de inúmeras iniciativas, especialmente nas áreas de segurança cibernética, inteligência artificial, biotecnologia e fintechs. O ambiente propício ao empreendedorismo e a colaboração com universidades e organizações de pesquisa a tornam um destino onde gigantes como Google, Microsoft, Facebook, Amazon e Apple buscam talentos e espírito empreendedor.

Londres, Reino Unido: conhecida como uma capital tecnológica, Londres emergiu como um dos principais pólos de tecnologia da Europa, oferecendo um ecossistema diversificado que abrange várias áreas da inovação. A metrópole inglesa está na vanguarda da inteligência artificial, com inúmeras empresas e instituições de pesquisa desenvolvendo soluções em aprendizado de máquina e automação. Por isso, a cidade atrai talentos globais, investidores e empreendedores, tornando-se um caldeirão de ideias e avanços tecnológicos que está moldando o futuro não apenas do Reino Unido, mas de todo o planeta. Com sedes em Londres, São Paulo e Curitiba, a Central Press, agência de reputação, costuma selecionar colaboradores para viajar ao Reino Unido e acompanhar eventos de diversos setores, como educação e tecnologia. Para Lorena Nogaroli, sócia-fundadora da agência, não se trata apenas de incentivar os profissionais, mas de possibilitar que eles conheçam outros ambientes e formas de desenvolver seu trabalho. “Para nós, um bom plano de carreiras também envolve dar oportunidades para que as pessoas descubram as diferentes formas como nosso trabalho é realizado em outras partes do mundo”, destaca.

Tóquio, Japão: a capital japonesa desempenha um papel fundamental na vanguarda da tecnologia global. Tóquio abriga algumas das empresas mais emblemáticas do mundo, como Sony e Toyota, líderes em eletrônica, tecnologia automotiva e manufatura avançada. Além de grandes corporações, a cidade é também um foco de startups em crescimento que estão moldando tendências futuras em inteligência artificial, robótica, saúde digital e muito mais.

Seul, Coreia do Sul: conhecida como uma das cidades mais avançadas em termos de tecnologia e inovação, Seul é o berço de grandes empresas de tecnologia, como Samsung, LG e Hyundai. A abordagem inovadora ao design e à criatividade em vários campos, incluindo moda, design industrial e arquitetura, contribui para a inspiração e a geração de novas ideias. Além disso, a alta qualidade de vida em Seul atrai talentos globais, criando uma população diversificada e multicultural.

Cingapura: a cidade-estado se tornou um hub global para inovação e empreendedorismo, com um ecossistema bem desenvolvido e incentivos do governo para startups e empresas de tecnologia. A diversidade cultural e a proximidade com mercados asiáticos emergentes, como China, Índia e outros países do Sudeste Asiático, fazem de Cingapura um local inspirador para profissionais em busca de oportunidades de crescimento e aprendizado. Além disso, universidades renomadas como a National University of Singapore (NUS) e a Nanyang Technological University (NTU) trabalham em estreita colaboração com empresas e startups, contribuindo para o desenvolvimento tecnológico da região.

Share:

Latest posts

Parintins (1)
Do sertanejo à comédia, Teatro Positivo divulga programação de março
3670c-20210320-0112 (1)
Iluminação de interiores: conforto visual e sofisticação em cada detalhe
©2021 Ebraim Martini
Em busca de um carro por assinatura? Confira dicas para não errar na escolha do plano

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

Parintins (1)
Do sertanejo à comédia, Teatro Positivo divulga programação de março
Além dos shows e peças teatrais, Teatro recebe espetáculos do tradicional Festival de Curitiba espetáculos...
Saiba mais >
3670c-20210320-0112 (1)
Iluminação de interiores: conforto visual e sofisticação em cada detalhe
Arquiteta da A.Yoshii dá dicas sobre o uso da iluminação para transformar ambientes e criar verdadeiras...
Saiba mais >
©2021 Ebraim Martini
Em busca de um carro por assinatura? Confira dicas para não errar na escolha do plano
Com opções contratuais de 12, 18 e 24 meses e franquias de 500 a 2 mil quilômetros por mês, especialista...
Saiba mais >
Hard Rock Café Curitiba
Hard Rock Cafe Curitiba: programação pós-carnaval conta com atrações de blues, pop rock e soul
Confira programação completa do final do mês no restaurante Durante a segunda quinzena de fevereiro,...
Saiba mais >