Valmet assina novo acordo de reformas de caldeiras com Suzano S.A

[flgallery id=3110 /]

Contratos contemplam reformas nas unidades de Jacareí (SP) e Aracruz (ES), ao longo dos próximos anos

A Valmet, líder mundial no desenvolvimento e fornecimento de tecnologias, automação e serviços para os setores de celulose, papel e energia, acaba de formalizar a realização de projetos com a Suzano S.A, maior produtora de celulose de eucalipto do mundo. Com contratos firmados em dezembro de 2019 e março de 2020, o acordo contempla duas plantas da Suzano, em Jacareí (SP) e Aracruz (ES).

Na unidade de Jacareí, a reforma na caldeira de recuperação 3 acompanha os bons resultados alcançados em reforma similar, realizada em setembro de 2019, na caldeira de recuperação 4 da mesma unidade. Neste projeto será feita a substituição completa dos superaquecedores secundário e terciário e, ainda, um upgrade do sistema de ar secundário, em regime Engineering Procurement Supervision (EPS), os quais serão montados na Parada Geral programada para novembro deste ano.

Já na unidade de Aracruz, será realizada uma intervenção na caldeira de recuperação B, fornecida pela empresa Gotaverken em 1989, tecnologia posteriormente adquirida pela Valmet. Esta reforma, contratada no final de março de 2020, em regime Engineering Procurement Construction (EPC), compreende a substituição da fornalha inferior da caldeira, com atualização de design e tecnologias, incluindo novo sistema de ar de combustão e queimadores de partida. Faz parte do escopo do projeto, ainda, a substituição da parte superior da parede frontal e a substituição do tanque de dissolução da caldeira. Neste projeto, também está contemplado o suporte remoto por 18 meses pós start-up, utilizando os serviços de Internet Industrial e do Valmet Performance Center. A execução desta reforma está programada para ocorrer durante a Parada Geral da unidade, prevista para julho de 2022.

“Os novos equipamentos e tecnologias irão proporcionar ganhos de performance ao cliente. Aproveitamos o bom resultado da recente reforma da caldeira de recuperação 4 de Jacareí, somado ao desenvolvimento de uma solução técnica compartilhada com o cliente para o caso da caldeira de recuperação B de Aracruz. A partir de uma base técnica sólida, propusemos uma negociação comercial conjunta, aproveitando sinergias existentes e valorizando nossos diferenciais técnicos”, comentam os integrantes do time de vendas de serviços da Valmet, Rogério Duarte e Luiz Bohm.

“Estes dois fornecimentos representam um marco no relacionamento entre Suzano e Valmet. Refletem não somente o sucesso da primeira reforma da caldeira de recuperação 4 de Jacareí, mas também demonstram a confiança deste importante cliente nas competências da Valmet, tanto em nível tecnológico como de execução, que certamente tiveram papel decisivo no processo de tomada de decisão por parte da Suzano”, destaca o gerente corporativo de vendas da Valmet, Luiz Freitas.


Sobre a Valmet
A Valmet é a principal desenvolvedora e fornecedora global de tecnologias de processo, automação e serviços para as indústrias de celulose, papel e energia. Sua atuação de tecnologia inclui fábricas de celulose, linhas de produção de papel, cartão e papel, além de usinas de energia para produção de bioenergia. Seus serviços e soluções de automação melhoram a confiabilidade, o desempenho dos processos, e aprimoram a utilização de matérias-primas e energia.
As vendas líquidas da Valmet em 2019 foram de aproximadamente 3,5 bilhões de euros. A empresa possui mais de 13.000 profissionais em todo o mundo, com sede em Espoo, Finlândia e suas ações estão listadas na Nasdaq Helsinki. Na América do Sul, possui unidades em Araucária-PR, Sorocaba-SP, Campinas-SP, Belo Horizonte-MG, Imperatriz (MA) e Concepción, no Chile. www.valmet.com.br

Share:

Latest posts

volta2
Projeto da rede pública de Mariópolis vence concurso nacional de Educação
Aposentada Anete Langaro retomou atividades dias após realizar artroplastia total de joelho Créditos: Arquivo pessoal
Técnicas avançadas favorecem cirurgias menos invasivas em idosos
Tatielle Alyne, atleta de futebol feminino de 19 anos, tem difícil missão de lidar com uma lesão enquanto corre atrás de seus sonhos no esporte Créditos: Arquivo pessoal
Mulheres enfrentam maior risco de lesões em joelhos na prática de esporte

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

volta2
Projeto da rede pública de Mariópolis vence concurso nacional de Educação
Trabalho sobre diferentes culturas foi feito com turma da Educação Infantil O projeto “Vamos dar a...
Saiba mais >
Aposentada Anete Langaro retomou atividades dias após realizar artroplastia total de joelho Créditos: Arquivo pessoal
Técnicas avançadas favorecem cirurgias menos invasivas em idosos
Hospitais registram crescimento superior a 40% em procedimentos para pacientes acima de 70 anos; avanços...
Saiba mais >
Tatielle Alyne, atleta de futebol feminino de 19 anos, tem difícil missão de lidar com uma lesão enquanto corre atrás de seus sonhos no esporte Créditos: Arquivo pessoal
Mulheres enfrentam maior risco de lesões em joelhos na prática de esporte
Estudos indicam que chance é até oito vezes maior entre as jogadoras e o futebol é campeão nesse tipo...
Saiba mais >
Espaços para prática da fé em hospitais são demonstração de respeito às necessidades de pacientes e familiares Créditos: Divulgação
Espaços para prática da fé e espiritualidade são aliados no tratamento e internações médicas
Acolhimento se estende a pacientes, familiares e profissionais da saúde, com iniciativas perto de centros...
Saiba mais >