Quadrinhos, charges, poemas: como diferentes gêneros textuais ajudam a compreender o mundo

Uma placa de trânsito, um meme nas redes sociais, um poema escrito em 1852, uma foto. A leitura e interpretação de textos de diferentes tipos e gêneros é indispensável para que os seres humanos possam se comunicar e participar da sociedade contemporânea. E esse é um exercício que começa a ser feito desde cedo, ainda na primeira infância.

Ao longo da vida, uma pessoa será exposta a todo tipo de comunicação, veiculada nos mais variados meios. Da música ao e-mail corporativo, das pinturas ao E cortado por uma faixa vermelha, proibindo estacionar: tudo é texto ─ embora nem todo texto seja verbal, isto é, escrito com letras e palavras. Ler e compreender os mais diversos textos é fundamental para o convívio social e o exercício da cidadania, como lembra a gerente editorial da Aprende Brasil Educação, Cristina Kerscher. “Isso é o que chamamos de letramento. Uma coisa é decodificar o alfabeto, outra é compreender o conteúdo de um texto Para que uma pessoa consiga entender o mundo e participar da sociedade, ela precisa se apropriar dessa diversidade de recursos de comunicação que existem, ser capaz não apenas de ler os códigos, mas de compreender a intenção de um texto, as informações explícitas, mas também o que não foi dito”, explica.

O desenvolvimento, portanto, de capacidades de leitura contribui para a criticidade e a formação do cidadão. “Não é só o texto escrito que traz informações importantes para o cotidiano. Se alguém, por exemplo, estaciona seu carro em um local proibido simplesmente porque não sabe o que uma placa significa, isso trará consequências legais, como uma multa. Estar no mundo depende de fazer, diariamente, essa leitura ampla de textos de diferentes gêneros”, afirma.

Desde cedo

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC), documento que estabelece conhecimentos, competências e habilidades que se espera que todos os estudantes desenvolvam ao longo da escolaridade básica, prevê que os educadores trabalhem uma ampla diversidade de gêneros textuais desde a Educação Infantil. Nos primeiros anos de vida, a criança já tem contato com vários gêneros textuais, como quadrinhos, tirinhas, adivinhas, poemas, muitos dos quais se caracterizam pela combinação de texto verbal e imagético. Ao longo da vida escolar, os estudantes ampliam seu repertório de leituras e produções textuais, o que, consequentemente, faz com que tenham acesso a um universo de informações e desenvolvam a imaginação e o senso crítico.

“É importante que crianças e adolescentes sejam incentivados a fazer a leitura de gêneros multimodais e a desenvolver a capacidade de entender as relações de sentido que se estabelecem em cada um deles. Assim, há uma preocupação, é claro, em trazer para a sala de aula tipos e gêneros textuais que circulam socialmente, com os quais eles terão contato em situações comunicativas variadas, no cotidiano ou em contextos mais formais”, destaca Cristina.

Interesse pela vida em sociedade

Ser capaz de compreender os diferentes signos que se apresentam no mundo não é apenas uma necessidade, um interesse natural. A especialista afirma que, desde cedo, principalmente quando são adequadamente motivadas, as crianças já demonstram vontade de ler e entender diferentes textos. “Trazendo-se textos adequados a cada faixa etária, com temáticas adequadas à etapa de ensino, claramente se desperta nos pequenos o interesse por fazer essas leituras. As crianças, assim como nós, adultos, querem fazer parte desse mundo repleto de informações, ideias, reflexões e criatividade”, finaliza.

_______________________________________

Sobre o Aprende Brasil

O Sistema de Ensino Aprende Brasil oferece às redes municipais de Educação uma série de recursos, entre eles: avaliações, sistema de monitoramento, ambiente virtual de aprendizagem, assessoria pedagógica e formação continuada aos professores, além de material didático integrado e diferenciado, que contribuem para potencializar o aprendizado dos alunos da Educação Infantil aos anos finais do Ensino Fundamental. Saiba mais em http://sistemaaprendebrasil.com.br/.

Share:

Latest posts

Créditos: Freepik
Universidade Positivo recebe feira de adoção de cães nesta quarta-feira (12)
Crédito: Marcos Vinícius
Às vésperas do Dia dos Namorados, shopping promove encontro para solteiros
Foto: divulgação
Caminhada melhora saúde, fortalece vínculos sociais e promove solidariedade

Sign up for our newsletter

Acompanhe nossas redes

related articles

Créditos: Freepik
Universidade Positivo recebe feira de adoção de cães nesta quarta-feira (12)
Evento tem animais do Complexo Penitenciário de Piraquara disponíveis para adoção A Universidade Positivo...
Saiba mais >
Crédito: Marcos Vinícius
Às vésperas do Dia dos Namorados, shopping promove encontro para solteiros
Com música, cardápio especial de bebidas e comidas, cinema e decoração romântica, a 9.ª edição da Sessão...
Saiba mais >
Foto: divulgação
Caminhada melhora saúde, fortalece vínculos sociais e promove solidariedade
Exercício é capaz de combater doenças, melhorar a saúde mental e até contribuir com a economia A caminhada...
Saiba mais >
mice
Revista MICE Curitiba chega à terceira edição
Publicação bilíngue destaca conquistas da cidade mais inteligente do mundo e o crescimento do turismo...
Saiba mais >